Automatize processos de
Reembolso e Auditoria
(Saúde e Seguradoras)

O contínuo crescimento das fraudes em planos de saúde e odontológicos tem impactado negativamente todo o mercado de saúde, elevando o custo dos planos e reduzindo o desempenho das empresas neste setor. Diante desse cenário, a Flexdoc desenvolveu uma série de soluções com o objetivo de mitigar os riscos e impulsionar a performance nesse segmento.

Visando fortalecer sua atuação no mercado de identidade digital, a Valid Soluções adquiriu a Flexdoc

Prevenção há Fraude de Reembolso

A regulamentação brasileira de criptoativos tem como objetivo principal proteger os usuários finais e mitigar riscos como lavagem de dinheiro e financiamento do terrorismo. As soluções apresentadas pela Flexdoc para validação de transações e identificação de usuários contribuem para atingir esses objetivos.

Autenticação Biometrica

Evite que terceiros acessem fraudes em transações e solicitações de reembolso em suas aplicações. A implementação de Liveness e Face Match ajudará a prevenir ações fraudulentas em sua empresa.

Check-in

Aproveite as nossas soluções biométricas e de validação de dispositivos para identificar e armazenar metadados coletados durante o check-in em uma clínica ou consultório.

Principais Fraude há planos de Saúde

Automatize seus processos de auditoria
e análise de documentos e faturas

Simplifique a coleta e validação de dados através da extração via OCR, incorporando nossa solução às suas operações. Otimize a extração de dados para mais de 250 tipos de documentos, com uma base que cresce a cada dia.

Extração de dados

Temos uma das maiores plataformas de processamento de imagens do mundo, com soluções para automação e validação de documentos de identidade, documentos complexos e dados impressos e manuscritos. Nossas soluções ajudam nossos clientes a automatizar processos, reduzir custos e melhorar a segurança.

Motor de Regras & Formalistica

Após a extração de dados, aprimoramos os fluxos de validação e verificação por meio de motores automáticos e mesas de análise manual. Através dessas análises, podemos aprovar ou rejeitar documentos com base nas regras específicas do seu negócio ou produto. Dentre essas verificações, incluímos análises de elementos gráficos e dados textuais (datas, nomes, etc.).

O reembolso assistido, também conhecido como reembolso facilitado, é uma prática ilegal no mercado de planos de saúde. Envolve uma clínica, geralmente não credenciada à operadora do plano, que oferece aos pacientes a realização de procedimentos sem pagamento prévio, prometendo facilitar o processo de reembolso.

  1. Atendimento na clínica: O paciente realiza o procedimento na clínica, que não exige pagamento no momento.
  2. Solicitação de reembolso: A clínica, usando dados do paciente, solicita o reembolso à operadora do plano de saúde em seu nome.
  3. Cobrança de valores: A clínica cobra do paciente valores adicionais, muitas vezes superiores ao que o plano reembolsa.

Violação do contrato: O reembolso assistido fere o contrato entre o paciente e a operadora do plano, que geralmente prevê reembolso apenas para procedimentos realizados em prestadores credenciados.
Fraude: A prática pode ser considerada fraude, pois a clínica pode inflar valores ou solicitar reembolso por procedimentos não realizados.
Riscos para o paciente: O paciente pode ter problemas para receber o reembolso da operadora, além de ficar sujeito a cobranças indevidas da clínica.

  • Invista em tecnologia: Utilize sistemas e ferramentas tecnológicas para detectar e prevenir fraudes de reembolso assistido.
  • Realize auditorias: Faça auditorias regulares nos pedidos de reembolso para identificar possíveis fraudes.
  • Treine seus colaboradores: Capacite seus colaboradores para identificar e prevenir fraudes de reembolso assistido.
  • Crie canais de denúncia: Crie canais de denúncia para que os beneficiários possam comunicar casos suspeitos de fraude.
  • Compartilhe informações: Compartilhe informações com outras operadoras de plano de saúde e com as autoridades competentes para combater a fraude de reembolso assistido.

Conheça a Plataforma Flexdoc para automatizar seus processos de validação de transações e prevenção de fraudes.

Entre em contato conosco e conheça mais aplicações de nosso Onboarding Digital!

Soluções & Serviços

Uma única plataforma para todos seus processos comerciais, desde a validação de um usuario e conseção de cartão de crédito até fluxos personalizados e complexo que contenham as regras do seu negócio

Dúvidas

O Banco Central do Brasil (Bacen) será o órgão responsável pela regulamentação e supervisão do segmento de criptomoedas no Brasil. Essa competência foi estabelecida pela Lei Federal nº 14.478, de 21 de dezembro de 2022, e pelo Decreto nº 11.563, de 13 de junho de 2023.

O Brasil, como membro do GAFI (Grupo de Ação Financeira Internacional), tem a responsabilidade de implementar as recomendações estabelecidas por este grupo. Entre elas, está uma lista de recomendações exclusivas para VASPs (provedores de serviços de ativos virtuais). Entre as recomendações, destacam-se a 15 e a 16.

  • A Recomendação 15 exige que os VASPs implementem medidas de controle para mitigar os riscos de lavagem de dinheiro e financiamento do terrorismo associados a transações com ativos virtuais.
  • A Recomendação 16 exige que os VASPs cooperem uns com os outros e com as autoridades competentes para prevenir e detectar atividades ilícitas relacionadas a ativos virtuais.

Mais sobre nossas soluções

4.9/5 - (96 avaliações)